domingo, 9 de maio de 2010

JOSÉ RODRIGUES DA COSTA - BARÃO DA CONCEIÇÃO

Por Mauro Luiz Senra Fernandes





















José Rodrigues da Costa, o Barão da Conceição, nasceu e foi batizado na Igreja Matriz de Barbacena, província de Minas Gerais. Filho de Antônio José Rodrigues da Costa e de Dona Maria Luiza do Carmo e neto paterno do Cel. Manoel Rodrigues da Costa e de Dona Joana Thereza de Jesus, supõem-se que era irmã do Alferes Joaquim José da Silva Xavier – o Tiradentes.

Foi casado com Dona Felisbina Cândida de Jesus, a Baronesa da Conceição, nasceu e foi batizada na Igreja do Mello Desterro, província de Minas Gerais, era filha de Francisco Antônio Gomes e de Dona Thereza Maria de Jesus.

Conforme fontes orais, do casamento do Barão com a Baronesa da Conceição, tiveram uma filha que faleceu queimada sendo que, em seu testamento, eles não tiveram filhos, deixando vários sobrinhos como herdeiros.

O Barão da Conceição era proprietário das fazendas de café: Santa Thereza, da Paciência e da Grota do Açude no Distrito de Santo Antônio do Aventureiro, Termo de Mar de Hespanha. Exerceu vários cargos de eleição popular, tendo sido vereador à Câmara Municipal de Mar de Hespanha. O título nobiliárquico de Barão e Baronesa da Conceição foi concedido em 27 de fevereiro de 1886.

O terreno onde está erigida a Igreja Matriz de Santo Antônio do Aventureiro foi doação do Barão da Conceição e sua esposa. A Baronesa Felisbina faleceu em 12 de dezembro de 1889 e o Barão, no dia 23 de setembro de 1898. Seus restos mortais estão depositados na sacristia dessa Igreja.




















Capela na Fazenda Santa Thereza em Santo Antonio do Aventureiro MG

Nenhum comentário:

Postar um comentário